Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Sipam e secretários Estaduais assinaram Plano

Notícia

Sipam e secretários Estaduais assinaram Plano

Secretários assinam RepigSecretários Estaduais de Meio Ambiente da Amazônia Legal e o diretor-geral do Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam), Marcelo Lopes, assinaram nessa sexta-feira (28), em Brasília, o Plano de Trabalho para estruturar a Rede de Processamento de Imagens e Informações Geográficas (Repig). A partir disso, os técnicos deverão iniciar as suas atividades de operacionalização da rede, montando uma espécie de Google Earth da Amazônia. A expectativa é que a Repig possa estar funcionando para os Estados e a população ainda em 2009.

”A assinatura do Plano de Trabalho hoje significa que estamos avançando nesse processo de construir políticas em parceria”, disse Lopes. O secretário de Meio Ambiente do Estado do Mato Grosso, Luis Henrique Daldegan, também ressaltou que a Repig “reforça e aprimora a relação
institucional dos governos”. Para o secretário de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais do Acre, Eufran Ferreira do Amaral, a Repig fortalecerá a gestão dos Estados da Amazônia Legal. “Além de compartilharmos informações, estaremos produzindo conhecimento”, argumentou.

O Plano de Trabalho foi definido, em outubro, na última reunião do Comitê Gestor da Repig. O documento estabelece a capacitação conjunta dos técnicos em geotecnologias e até março de 2009 a definição dos parâmetros para os requisitos tecnológicos de funcionamento da rede. Além disso, será criado um fórum virtual entre os Estados e o Sipam e já foram marcadas as reuniões do Conselho Consultivo do Comitê para os meses de junho e novembro. No Plano também ficaram definidas reuniões periódicas nos Centros Regionais do Sipam de Belém, Porto Velho e Manaus e ainda a busca de apoio financeiro estadual, federal e internacional para pesquisa e desenvolvimento da rede.

Constam ainda no documento as informações que serão espacializadas nesse banco de dados da Repig, que o usuário poderá com facilidade acessar, como: universidades e centros de pesquisa e escolas; infra-estrutura de transporte (malha viária, ferrovias, aeroportos, aeródromos cadastrados, portos, hidrovia, ancoradouros); comunidades (sedes municipais e limites administrativos); energia elétrica (inventários e linhas de transmissão e distribuição); barragens (massa d´água); dutos (oleodutos, gasodutos); unidades de conservação; terras indígenas; mapas topográficos (altimetria); limite de bacias hidrográficas; rede hidrográfica; mineração e bacias hidrográficas.

O Comitê Gestor da Repig, formado pelos 9 Estados e os técnicos do Sipam, vem desde o início do ano discutindo a construção dessa rede de informações. Ela nasce da necessidade demonstrada pelos Estados da Amazônia por informações georreferenciadas e imagens, cada vez mais necessárias para a tomada de decisões estratégicas para o desenvolvimento social e econômico da região, além de ajudar no monitoramento das transformações ambientais na região. Com essas informações, será mais fácil planejar investimentos e desenvolver políticas públicas estaduais e federais que promovam o desenvolvimento sustentável e a proteção regional.

Secretários comparecem na solenidade e assinam o documento nessa sexta-feira no Sipam em Brasília:

Ana Corina Maia Palheta - Coordenadora de Geoprocessamento - SEMA/AP

Eraldo Aparecido Erondoli Matricardi – Engenheiro Florestal da SEDAM/RO

Regina Sônia Botelho Martins - Superintendente de Planejamento e Gestão - SEPLAN/TO

Eufran Ferreira do Amaral - Secretário de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais - SEMA/AC

Nádia Cristina d'Ávila Ferreira - Secretária de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável - SDS/AM

Raimundo Costa Filho – Diretor de Monitoramento e Controle Ambiental da Fundação Estadual do Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia FEMACT/RR

Luis Henrique Chaves Daldegan - Secretário de Estado do Meio Ambiente - SEMA/MT

Assessoria de Comunicação Social do Sipam
Telefone: (61) 3214-0257
e-mail: comunicacaosocial@sipam.gov.br