Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Sipam capacita 46 municípios do Tocantins em geotecnologias e assina Acordo de Cooperação

Notícia

Sipam capacita 46 municípios do Tocantins em geotecnologias e assina Acordo de Cooperação

mini_to.gifO Sistema de Proteção da Amazônia, vinculado à Casa Civil da Presidência da República, lança nessa terça-feira (19), às 10h, o Programa SipamCidade para o Estado do Tocantins. Nessa primeira etapa, serão 46 municípios que receberão capacitação gratuita na ferramenta Terraview para o uso de geotecnologia na gestão territorial do município. A solenidade será no Palácio do Araguaia, em Palmas, com a presença do governador, Marcelo Miranda, do diretor-geral do Sipam, Rogério Guedes, e de prefeitos da Região. Também será assinado um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) que possibilitará ao Sipam desenvolver planos de trabalho para atividades conjuntas com o Estado do Tocantins.

A primeira turma fará o curso de 25 a 29 de maio, na cidade de Araguatins. Serão 25 técnicos das prefeituras da Região do Bico do Papagaio, que terão 40 horas de capacitação no uso do software livre Terraview, desenvolvido pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Outros 21 profissionais serão capacitados entre 1º e 5 de junho, em Dianópolis, sudeste do Tocantins. Ainda deverá ser montada uma terceira turma, ainda sem data definida, que reunirá em Palmas 8 técnicos indicados pelas cidades da Região do Jalapão. Já o Acordo de Cooperação Técnica, assinado com o Estado do Tocantins, ajudará o Sipam a validar as imagens de desmatamento já realizadas pelo radar SAR nas Unidades de Conservação (estadual e federal) e reservas indígenas. As imagens necessitam de algumas visitas de técnicos nos locais imageados para ajudar na interpretação, já que o Tocantins possui muitas áreas de cerrado.

Lançado em julho do ano passado, o Programa SipamCidade já capacitou técnicos de 101 prefeituras da Amazônia. O Programa oferece várias informações sobre os municípios, aumentando o conhecimento que as prefeituras têm sobre seus territórios e ajudando no planejamento municipal. Informações sobre tipo de solo, relevo, bacias hidrográficas, vegetação, mapa de precipitação (chuva) e outros dados são repassados às prefeituras em um CD-Rom de fácil manuseio e compreensão. Com o domínio em geoprocessamento, o município poderá gerar produtos específicos à gestão municipal, como mapeamentos das vias de acesso e de infraestrutura urbana, mapeamentos ambientais, mapas para disposição de lixo e de aptidão agrícola, além de servir de apoio às ações de planejamento e atualização cadastral de IPTU.

Após o treinamento, o Sipam oferece suporte técnico permanente à gestão municipal. Além das prefeituras, também estão sendo capacitados profissionais de órgãos federais e estaduais que utilizem geotecnologias para apoiar ações na Região Amazônica.

Primeira turma – 25 a 29 de maio - em Araguatins, Aguiarnópolis, Ananás, Angico, Araguatins, Augustinópolis, Axixá do Tocantins, Buriti do Tocantins, Cachoeirinha, Carrasco Bonito,
Darcinópolis, Esperantina, Itaguatins, Luzinópolis, Maurilândia do Tocantins, Nazaré, Palmeiras do Tocantins, Praia Norte, Riachinho, Sampaio, Santa Terezinha do Tocantins, São Miguel do Tocantins, São Sebastião do Tocantins, Sítio Novo do Tocantins, Tocantinópolis, São
Bento do Tocantins

Segunda turma – 1º a 5 de junho – em Dianópolis,  Arrais, Aurora do Tocantins, Chapada da Natividade, Combinado, Conceição do Tocantins, Dianópolis, Lavandeira, Natividade, Novo Alegre, Novo Jardim, Palmeirópolis, Paraná, Pindorama do Tocantins, Ponte Alta do Bom Jesus, Porto Alegre do Tocantins, Rio da Conceição, São Salvador do Tocantins, São Valério da Natividade, Taguatinga, Taipas do Tocantins e Almas.

Assessoria de Comunicação Social do Sipam
Telefone: (61) 3214-0257
e-mail: comunicacaosocial@sipam.gov.br