Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Sipam apóia ações da Operação Arco Verde e Terra Legal

Notícia

Sipam apóia ações da Operação Arco Verde e Terra Legal

Seminário Terra Legal no Sipam Com o apoio técnico e operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam), vinculado à Casa Civil, o Programa Terra Legal e a Operação Arco Verde encerram mais uma rodada de encontros com as reuniões em Belém e Cuiabá, dias 22 e 23 de abril próximo. Na última semana, o grupo esteve reunido no Centro Regional do Sipam em Manaus (15 e 16) e em Porto Velho (16) para ajustar detalhes das ações de campo de iniciam a partir de maio e junho.


Executadas pelos ministérios do Meio Ambiente (MMA) e da Reforma Agrária (MDA), já foi decidido que as equipes empenhadas nos dois projetos ficarão sediadas nos espaços físicos do Sipam em Brasília, Belém, Manaus e Porto Velho. Além do apoio logístico e da infraestrutura física, o Sipam participará de pelo menos quatro ações prioritárias. Segundo o diretor-geral do Sipam, Rogério Guedes, o apoio em 2009 terá foco na capacitação dos gestores municipais no uso de geotecnologias, no fornecimento de serviços de telecomunicações, na produção de imagens de satélite e na geração de boletins meteorológicos especiais.

A qualificação de técnicos das prefeituras em geotecnologias acontecerá dentro do programa SipamCidade, que está desenvolvendo módulos especiais para que as informações subsidiem os gestores na tomada de decisão, bem como para formar uma rede de intercâmbio de dados espaciais que permita reduzir o desmatamento e desenvolver alternativas econômicas em cada região.

A instalação dos terminais de comunicação via satélite (antenas VSAT) e de maletas RDSS (radioposição/GPS/mensagens de texto) auxiliarão as missões de campo da Operação Arco Verde, coordenada pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA). As imagens de satélite servirão para monitorar o território dos municípios e acompanhar o resultado dos esforços feitos por cada um dos atores que participam da Operação. Os boletins especiais de tempo ajudarão a orientar os gestores municipais nas atividades operacionais. O Sipam utilizará toda a rede de sensores meteorológicos na produção das informações.

Na reunião feita na última semana, em Porto Velho, foi definido que o distrito de Jaci Paraná será o primeiro de Rondônia a receber o mutirão de regularização fundiária. No Estado, o MDA identificou como principais focos de desmatamento os municípios de Porto Velho, Machadinho D’Oeste, Nova Mamoré e Pimenta Bueno. Eles serão os primeiros a receber as ações do Terra Legal.

Em Manaus, além de especialistas do Sipam e dos Ministérios, participaram do encontro representantes do governo do Estado, dos municípios de Lábrea, Itacoatiara, do Instituto de Terras do Amazonas (ITEAM), Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) e da Secretaria do Patrimônio da União (SPU).

Assessoria de Comunicação Social do Sipam
Telefone: (61) 3214-0257
e-mail: comunicacaosocial@sipam.gov.br