Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Expedição de pesquisadores desce o rio Madeira em busca de dados científicos

Notícia

Expedição de pesquisadores desce o rio Madeira em busca de dados científicos

{mosimage}Até o próximo dia 28 de novembro, uma embarcação com mais de dez pesquisadores descerá o rio Madeira coletando dados para fundamentar pesquisas científicas. A campanha, que inicia hoje (20), foi idealizada pela Agência Nacional de Águas (ANA) e pelo Instituto de Pesquisas para o Desenvolvimento do governo Francês (IRD), com a participação de pesquisadores da Universidade de Brasília (UNB), do Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam) e do Serviço Geológico do Brasil (CPRM). O objetivo é coletar diferentes amostras e realizar medições ao longo do rio até a confluência com o Amazonas.

Parte do projeto Monitoramento Espacial Hidrológico na Bacia Amazônica, a expedição levará no barco diversos aparelhos para obter dados como concentração de sedimentos, condutividade, vazão, PH, nível de carbono e temperatura da água, em mais de dez pontos ao longo do Madeira. “O projeto de hidrologia espacial tem como ambição maior gerar conhecimentos científicos, mas também trazer benefícios para a região, através da aplicação desses dados no dia-a-dia dos órgãos públicos”, explica Eurides de Oliveira, superintendente-adjunto da rede hidrometeorológica da ANA e um dos coordenadores do projeto.

Segundo a coordenadora de operações do Sipam em Porto Velho, Ana Cristina Strava, os dados de turbidez e batimetria (medição da profundidade), que serão coletados pelo órgão na viagem, serão úteis para estudar os impactos das usinas hidrelétricas e auxiliar a navegação entre Rondônia e Amazonas. O Sipam também contribui na campanha com emissão de boletins meteorológicos, mapas e comunicação via RDSS (mensagens de texto).

Para o francês Jean Michel, do IRD, os dados serão o ponto de partida para que se possa comparar novamente as informações após três anos. “Poderemos estudar o impacto das usinas e aspectos como a erosão das margens, que podem estar relacionados com mudanças climáticas”, revela. A equipe já está em Porto Velho e inicia as medições na sexta-feira (20). A partida rumo ao baixo Madeira acontece no sábado (21).

Assessoria de Comunicação Social do Sipam
Telefone: 61-3214 0257
e-mail: comunicacaosocial@sipam.gov.br