Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Censipam e Rede Amazônica renovam acordo de cooperação

Notícia

Censipam e Rede Amazônica renovam acordo de cooperação

Previsões do tempo na região amazônica e o fornecimento de imagens de satélites são temas prioritários no acordo de cooperação técnica entre as instituições.

As previsões do tempo na região amazônica e o fornecimento de imagens de satélites são temas prioritários no acordo de cooperação técnica firmado entre o Censipam e a Rádio e TV do Amazonas – Rede Amazônica. O mesmo foi renovado no ano de 2012 com vigência de 5 anos. Desde 2006, diariamente, durante a apresentação dos telejornais da Rede Amazônica, são informadas as condições do tempo e clima da região.

O acordo prevê ainda a divulgação de dados observados e previstos de temperatura, precipitação e condições de nebulosidade para as capitais e principais cidades e regiões dos noves estados da Amazônia Legal. A divulgação das imagens de satélites geoestacionários, com ênfase na região Amazônica, com a finalidade de ilustrar as condições atmosféricas presentes na interpretação dos prognósticos de tempo também foram temas contemplados.

Com o objetivo de avaliar os formatos da linguagem dos produtos de meteorologia utilizados e as formas de como são apresentados aos telespectadores, o Censipam reuniu nesta quarta-feira (30), editores e apresentadores dos Jornais Bom Dia Amazônia, Amazonas TV, Jornal do Amazonas e Ilustradores da Rede Amazônica para uma oficina de trabalho, que buscou a interação entre meteorologistas e jornalistas.

 “Os produtos do segmento de meteorologia previstos no Plano de Trabalho do referido ACT e divulgados nos jornais da Rede Amazônica, bem como as relações de trabalho envolvidas, depois desse primeiro período “experimental”, necessitam ser reavaliados pelos grupos de trabalho envolvidos para que se busque atender de forma mais ajustada às diferentes expectativas, permitindo avançar de forma mais eficiente na divulgação deste que é um importante serviço de utilidade pública”, destacou o meteorologista Ricardo Dallarosa.

Durante o encontro foi possível examinar as relações de trabalho, como edição de textos, horários de atendimento, tratamento da informação, harmonizar as relações e construir um canal de discussão permanente.