Você está aqui: Página Inicial / Exército busca intercâmbio para monitoramento patrimonial e ambiental

Notícia

Exército busca intercâmbio para monitoramento patrimonial e ambiental

Diretoria de patrimônio do Exército busca intercâmbio para aperfeiçoar monitoramento patrimonial e ambiental

Por Willian Cavalcanti

Diretoria de patrimônio do Exército conheceu projetos do Censipam

Diretoria de patrimônio do Exército conheceu projetos do Censipam

Brasília, 05/10/2018 – O Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam) recebeu, nesta sexta-feira (5/10), comitiva da Diretoria de Patrimônio Imobiliário e Meio Ambiente (DPIMA) do Exército Brasileiro (EB). Liderada pelo diretor da DPIMA, General de Divisão Antonio César Alves Rocha, os militares conheceram projetos do Censipam e debateram possíveis parcerias para otimização do trabalho de monitoramento patrimonial e ambiental de áreas do Exército.

O diretor-geral do Censipam, Rogério Guedes, apresentou ações e projetos desenvolvidos, com destaque para o projeto Cartografia da Amazônia, que produz cartas terrestres, marítimas e geológicas da Amazônia. O projeto também deixou um legado de infraestrutura e equipamentos para cada uma das Forças Armadas.

Também foi apresentado o projeto Amazônia SAR, que tem por objetivo o monitoramento territorial e ambiental. “Como resultado do projeto, temos o sistema SipamSAR, que gera alertas para combate ao desmatamento”, explicou o diretor de produtos do Censipam, Péricles Cardim.

A próxima etapa do Amazônia SAR é a instalação de duas estações de recepção de dados. Uma delas deverá ser instalada em área do Exército em Formosa (GO), próximo à Brasília. “A instalação das antenas irá simplificar e agilizar a recepção de imagens, que poderá ser ‘baixada’ diretamente do satélite pelas nossas equipes”, afirmou Cardim.

“Os projetos desenvolvidos pelo Censipam seguem um planejamento governamental, com visão de futuro, para incluir todos os parceiros na implementação dos sistemas. São essas parcerias que permitem a segurança e a garantia para desenvolvimento do processo”, afirmou o diretor-geral do Censipam.

O General César afirmou que pretende aprofundar o intercâmbio para aprender como o Censipam realiza o desenvolvimento de projetos. “Criamos ideias, mas nos faltam as ferramentas e tecnologias para desenvolver o trabalho. Acredito que o apoio do Censipam poderá facilitar nossas atividades”, afirmou o General César. A DPIMA realiza o apoio técnico do Departamento de Engenharia e Construção na administração dos bens sob responsabilidade do Exército e o patrimônio ambiental nessas áreas.

Os militares da DPIMA também conheceram as aplicações do sistema ADS-80 e, com um óculos 3D, testaram o uso das imagens no mapeamento de áreas de interesse. A intenção é que militares participem de cursos de sensoriamento remoto. O passo seguinte seria o acesso da DPIMA ao banco de dados de imagens do Censipam.

“Acredito que vocês possuem ferramentas que possam contribuir no nosso trabalho. Temos buscado novas parcerias e esse intercâmbio poderá nos ajudar bastante”, completa o General César.