Você está aqui: Página Inicial / Comitiva do Programa Calha Norte visita o Censipam

Notícia

Comitiva do Programa Calha Norte visita o Censipam

A intenção é aperfeiçoar mecanismos de cooperação

Por Juliana Mota

A intenção é aperfeiçoar mecanismos de cooperação

A intenção é aperfeiçoar mecanismos de cooperação

Brasília, 22/02/2021 - Representantes do Programa Calha Norte conheceram, na última sexta-feira (19/2), em Brasília (DF), os principais projetos e sistemas conduzidos pelo Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam) para monitoramento da região amazônica. A intenção é aperfeiçoar mecanismos de cooperação.

O diretor-geral do Censipam, Rafael Costa, apresentou o histórico de atuação do órgão e seu conceito operacional. “Trabalhamos a partir de tecnologias e de análises qualificadas. Nossos analistas realizam estudos que geram produtos em vários eixos, servindo de insumos para nossos parceiros, por exemplo Forças Armadas e agências governamentais.”, afirmou o diretor-geral do Censipam.

“É uma satisfação muito grande ver o quanto o Censipam avançou principalmente na disponibilidade de ferramentas para produzir conhecimento que com certeza é de grande importância nas ações de repressão sobretudo aos ilícitos ambientais.”, afirmou o Diretor do Programa Calha Norte, General Ubiratan Poty.

Ao longo da reunião foram apresentadas, ainda, as principais competências e capacidades da diretoria de produtos do Censipam, envolvendo mapeamento e alertas de desmatamento, uso e cobertura da terra, inundações e, mais recentemente, vigilância marítima e derramamento de óleo.

Finalizando a apresentação, foram abordados os objetivos, o funcionamento e a metodologia utilizada pelo Grupo de Integração para Proteção da Amazônia (Gipam). O grupo conta com representantes da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Agência Nacional de Mineração (ANM), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Fundação Nacional do Índio (Funai), Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Serviço Florestal Brasileiro (SFB).