Você está aqui: Página Inicial / Censipam e Embrapa iniciam pesquisa para identificação e qualificação do desmatamento

Notícia

Censipam e Embrapa iniciam pesquisa para identificação e qualificação do desmatamento

Os projetos buscam aplicar inteligência territorial estratégica para qualificar o desmatamento e orientar políticas públicas na região amazônica

Por Willian Cavalcanti

Videoconferência teve participação do Censipam, Embrapa e bolsistas

Videoconferência teve participação do Censipam, Embrapa e bolsistas

Brasília, 23/04/2020 – Representantes da Embrapa Territorial e do Censipam se reuniram na última semana, por videoconferência, para apresentação dos dez pesquisadores participantes do projeto “Inteligência Territorial Estratégica”.

O projeto de pesquisa tem como propósito aplicar inteligência territorial para identificar, detectar, qualificar e quantificar o desmatamento na Amazônia e orientar novas políticas públicas e privadas na região amazônica. Os bolsistas serão orientados por supervisores da Embrapa e irão utilizar infraestrutura montada na Embrapa Territorial em Campinas (SP).

O chefe-geral da Embrapa Territorial, Evaristo de Miranda, apresentou aos bolsistas o Sistema de Inteligência Territorial Estratégica para a Amazônia e o desenvolvimento de pesquisas para monitoramento territorial visando à sustentabilidade e à competitividade da agricultura brasileira.

“A experiência da Embrapa ampliará o conhecimento sobre Amazônia Legal, contribuindo com subsídios sobre a situação da floresta e da vegetação nativa no bioma Amazônia, além de reforçar a missão do Censipam, que é a proteção da Amazônia”, disse a coordenadora-geral de operações do Censipam, Edileuza Melo.

Os projetos de pesquisa serão custeados com bolsas oriundas de Termo de Execução Descentralizada (TED) firmado entre o Censipam e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).