Você está aqui: Página Inicial / Censipam e Cenad buscam aperfeiçoar parceria para prevenção de desastres

Notícia

Censipam e Cenad buscam aperfeiçoar parceria para prevenção de desastres

Órgãos trabalham no monitoramento da meteorologia e de rios na Amazônia

Por Willian Cavalcanti

Representantes do Censipam e do Cenad se reúnem em Brasília

Representantes do Censipam e do Cenad se reúnem em Brasília

Brasília, 17/04/2019 – Visando aperfeiçoar a parceria entre as instituições, representantes do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia e do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), se reuniram nesta quarta-feira (17/4), em Brasília (DF). A intenção é que os órgãos possam incrementar o monitoramento de informações que possam prever e atuar em caso de desastres.

O Cenad ocupa parte das instalações do Centro de Coordenação Geral do Censipam em Brasília. “Agradecemos por poder ocupar as mesmas instalações do Censipam. Vir para cá nos ajudou a aperfeiçoar nosso trabalho, já que a estrutura é ideal para o suporte à nossa tecnologia”, afirmou Armin Braun, diretor do Cenad.

Braun apresentou os desastres naturais mais comuns no Brasil e a metodologia utilizada em caso de incidentes. O diretor também apresentou a articulação realizada com órgãos públicos e a sociedade civil. “Trabalhar a gestão de risco é muito difícil. Precisamos interiorizar isso na nossa cultura. Todas as esferas precisam agir de forma integrada para gerar resultados com mais eficiência”, afirmou Braun. O Cenad já possui acordo de cooperação com o Ministério da Defesa, no âmbito do Exército Brasileiro, para realização de operações com caminhões pipa no Nordeste.

O diretor de produtos do Censipam, Péricles Cardim, explicou que o Censipam utiliza uma constelação de satélites com radar de abertura sintética (SAR) para o monitoramento do desmatamento na Amazônia. O Censipam adquiriu duas antenas de recepção via satélite que poderão ser utilizadas para monitorar todo o país, desde o mar territorial até o bioma amazônico. “A tecnologia SAR permite, inclusive, realizar o monitoramento de barragens que possam estar em perigo”, afirmou Cardim.

Desenvolvido pelo Censipam, o SipamHidro é um sistema de alerta hidrometeorológico que tem auxiliado o trabalho da Defesa Civil no monitoramento dos rios da Amazônia. Cardim explicou que o sistema está sendo aperfeiçoado, com a inclusão de novas funcionalidades para integração de informações na plataforma. Outro sistema do Censipam de apoio ao Cenad é o de monitoramento de incêndios, que acaba de ser atualizado, com a modernização dos componentes de recepção de informações via satélite chamado Terascan.

“As defesas civis dos estados têm uma cooperação estreita com os centros regionais do Censipam. Os produtos do Sipam são os melhores que temos na região e são de extrema utilidade na área hidrológica e meteorológica”, afirmou Tiago Schnorr, chefe de Monitoramento do Cenad.

O diretor do Cenad disse que as possibilidades de cooperação poderão ser aperfeiçoadas, como no uso de aeronaves, satélites e emissão de alertas. Cada órgão indicou pontos focais para aprofundar o diálogo. A intenção é firmar um instrumento de cooperação, principalmente na área de tecnologia.