Você está aqui: Página Inicial / Censipam apoiará fiscalização e repressão ao narcotráfico

Notícia

Censipam apoiará fiscalização e repressão ao narcotráfico

Base Anzol foi explicada durante visita de policiais federais brasileiros e peruanos em Brasília.

Junto com 12 instituições governamentais, o Censipam será parceiro do posto de fiscalização fluvial, denominado Base Anzol, da Polícia Federal, que fiscalizará o narcotráfico na região da tríplice fronteira Brasil, Colômbia e Peru. O Censipam contribuirá com telecomunicação e geointeligência. A base já está pronta e entrará em funcionamento em meados de maio, explicou o delegado Mauro Spósito nessa quarta-feira (25) durante visita ao Censipam em Brasília.

 A visita contou com policiais federais brasileiros e peruanos. Representando a delegação Peruana, estava o diretor Nacional Antidrogas (Dirandro), general Julio Alejandro Mercado Castilho, além do superintendente da Polícia Federal do Estado do Amazonas, Marcelo Sálvio Rezende Vieira, e do coordenador-geral da Polícia de Repressão e Entorpecentes, Cezar Luiz Busto de Souza.  

“A contribuição do Censipam é fundamental para a concretização do nosso projeto”, disse Spósito, durante exposição do projeto, que combaterá o narcotráfico internacional.  O diretor-geral Rogério Guedes, que recebeu à Comitiva, apresentou o trabalho que o Censipam vem desenvolvendo na região Amazônica em parceria com outros órgãos. Depois, Guedes mostrou as imagens em 3D feitas pelo sensor aerotransportado de alta resolução, além do seu processamento. Explicou ainda o parque tecnológico do Sipam.